Estar em algum lugar…

 

Mergulhei em uma história que se contradizia com tudo que eu acreditava. Aquela história que te faz reviver o seu passado num piscar de olhos e quando você menos espera, sorri. Uma história de encontros e despedidas, de gargalhadas e lágrimas, de tempestades e dias claros.

A típica história de amor que todos querem viver e ninguém está disposto a abrir mão para não se entregar.

Em uma manhã qualquer, o aperto no peito me dizia o quanto eu precisava investir mais tempo no que eu acreditava que me fazia feliz, e vê-lo sentado em sua cama, como tantas outras vezes que o vi levantar sem olhar para trás, me fizeram crer que não fazia mais sentido permanecer ali. E fazer parte de um passado era mais natural do que crer que um futuro era algo que nós construíamos.

Você não me fazia bem, desde quando eu me peguei pensando no que eu estava me metendo com você. Entre uma caneca e outra de café, me vesti e acendi um cigarro. Voltei a fumar no dia que você começou a repetir incessantemente suas histórias com “ex” que eram mais presentes do que eu. Voltei a olhar outras pessoas, quando você demonstrava que não sentia mais prazer em estar comigo, ou todas as vezes que negava um sorriso ou a leveza em ser feliz.

Nunca exigi das pessoas mais do que elas pudessem merecer. Esse foi meu erro. Elas não oferecem mais do que uns trocados e uma moeda. E entre migalhas, entre trocados, me senti tão mendiga de mim mesma que desisti de investir mais tempo e mais paciência em você. Eu necessitava me distanciar de algo que me afundava na mesma velocidade de uma bola de ferro no meu pé, no fundo do mar. Imergir.

Refiz minha vida e me distanciei de você. De imediato, me aproximei de mim, da pessoa que sou e quem eu quero ser. Comecei a resgatar algo que havia esquecido que eu era. Feliz.

Obrigada. Essas palavras nunca chegarão até você e eu nem pretendo que isso seja feito, mas de todas as escolhas que fiz em minha vida, sair da sua vida me faz crer que eu sempre estou no caminho certo das coisas. Das minhas escolhas. 

 

Felicidade não se compra, não se escolhe. Não se é feliz por completo com uma tristeza no coração… E a felicidade que trago em mim, não cabe no mundo de coisas que eu tenho para oferecer à quem estiver disposto a amar. As vantagens de viver amor e sorrir amor são essas. 

Essa é a minha escolha de vida. 

Encontre a sua!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

O eu insólito ...

Jaqueline Bastos

LEONARDO KATONA

Professor e Historiador. Completamente perdido por ai....

S.O.S Srta Brito

DICAS DIY, MODA, BELEZA, DECORAÇÃO E SAÚDE.

@xykosanto

eu não estou interessado em nenhuma tiuria

Universo Inconsequente

"Assim como o universo somos inconstantes e infinitos a serem descobertos."

Consultoria Rodrigo Nitzke

Mailing de alta qualidade através do LinkedIn

Alugue Sorrisos

Muito amor e sorrisos <3

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close