um dia qualquer.

Deu aquele nervosismo natural. As mãos ficaram geladas e suadas. Eu comecei a me preocupar com o que poderia acontecer. Era tão insensato ficar com isso na mente e dentro de mim, algo me dizia "não se preocupe". Teu abraço, eu adoro, sabia? Rimos tanto e brincamos tanto e ao mesmo tempo, eu sei, que … Continue lendo um dia qualquer.

Intuição, bendita seja!

http://www.youtube.com/watch?v=bJ9r8LMU9bQ ‘... não fez o que devia ter feito, mas estava lá, ao meu lado (...) esse é o direito de ser inútil para alguém!’ Acordei com aquela sensação de atropelamento. As vezes, essa sensação medíocre te acomete nos momentos que você menos espera, ou mais clama. Acordar com a sensação de atropelamento te deixa … Continue lendo Intuição, bendita seja!